Buenos Aires e Montevideo com amor

Sempre quando escrevo roteiros de viagem para amigos, além de impressões, coloco uma boa dose de amor. Desejo, a cada linha, que eles vivam momentos inesquecíveis nos melhores restaurantes, atrações, paisagens… Escrever é uma forma de demonstrar que eu os quero bem, aqui ou em Calcutá. E este post não é diferente, foi pensando especialmente…

Sala com piso em madeira e parede roxa, uma estátua branca no canto esquerdo, um quadro de praia na parede e um senhor em cadeira de rodas elétrica observando o quadro

Jardins Secretos

Um trio de chineses discute barulhentamente se a luz vem de dentro ou de fora do quadro, no que uma senhora, em uma cadeira de rodas, só observa. Não satisfeitos com as inúmeras vezes que se aproximaram da pintura mais do que deveriam, um deles ameaça tirar uma foto, provavelmente com flash, com a câmera…

Um campo de vegetação seca mas macia, com pequenas poças de neve

O que eu aprendi em Yosemite

Queimar a vegetação às vezes é bom, para ajudar a terra a se renovar. Parece absurda a afirmação, ainda mais escrita assim, sem contexto. Mas antes que voem pedras-palavras ecologicamente corretas, eu explico. Há milhares de anos índios americanos, chamados Miwok, habitavam os vales que hoje formam o Parque Nacional de Yosemite. Para renovar os…

Estátua mexicana com uma mão na cabeça e outra apontando pra frente

Luxo em Viagem

Luxo é ter um banquinho do Golden Park dedicado à você. Pode ser pelos seus filhos com amor, ou pelo seu amor ao parque, quanto mais simples e direta a mensagem melhor, para ficar guardada na memória dos visitantes e acompanhá-los em suas histórias de viagem. Luxo é se permitir tomar um sorvete de creme…