Árvore entre pedras no Oriente Médio

Paciência

De madrugada, enquanto todos dormem, eu acordo e saio do quarto na ponta dos pés. O vento, com seu grito seco, é quem me acorda e avisa que é hora de ir. Lá fora, os fios e as oliveiras se agitam, a escuridão envolve tudo e quase sempre há uma bruma espessa no horizonte. E…